Categorias | Na Imprensa, Online

Gravediggers luta para chegar ao campeonato nacional

Postado dia 31 de março de 2011 por Pedro Martinez

A falta de patrocínio impede Campo Grande de ter um representante no campeonato nacional.

O Gravediggers, de Campo Grande/MS, não irá disputar nenhuma competição de nível nacional por falta de patrocínio.

O técnico de linebackers André Earp, eleito pelos Diggers o jogador destaque, bate um papo conosco.

Há quanto tempo você joga FA?
Desde quando o Gravediggers foi fundado, em 2008.

Como você se inseriu nessa modalidade?
Um grande amigo meu, Bruno Damus (conhecido como “O Idiota”), ficou sabendo sobre a formação de um time de FA aqui em Campo Grande e me contou. Como entusiasta do esporte, me prontifiquei a participar das reuniões que dariam início ao glorioso Gravediggers. Após a reunião marcamos o primeiro treino, e daí pra frente foi só alegria.

O que representa os Gravediggers para você?
Como um time de futebol representa paixão para a maioria dos brasileiros. O Gravediggers representa paixão e orgulho por um esporte pouco praticado no país. Acima de tudo a amizade com os outros atletas que tanto se dedicam nos treinos e confraternizações deste jovem glorioso time. E para quem sabe o verdadeiro significado da palavra amizade, companheirismo, sabe que isso a gente não troca por nada. Isso é amor. Esse é o Diggers, um time para toda a vida.

Qual a responsabilidade de ser eleito o jogador destaque da equipe?
Bom, primeiramente gostaria de dizer que todos os jogadores são destaque. Seria injusto ser “eleito” dessa forma, afinal, é um esporte coletivo, onde todos dependem de todos. Somos atletas amadores movidos por paixão pelo esporte, todos se esforçam nos treinamentos duros e sendo assim todos merecem esse “posto”. Porém, ao ser escolhido como referência, sinto que devo ajudar ao máximo o time e me dedicar sempre mais, inclusive na ajuda com os que precisam. Sempre ouvindo críticas e buscando melhorar o time como um todo. Obrigado a todos que acreditam no Gravediggers e depositam seus esforços para que o time cresça e evolua no cenário nacional.

Quais seus planos como jogador para 2011?
Pretendo me aprimorar fisicamente e tecnicamente para ajudar o time no máximo que eu conseguir. Participar de amistosos com times de qualidade (infelizmente não temos outros times aqui) e equipar o time para que participemos o mais breve possível de um campeonato nacional, onde mostraremos a força dos GRAVEDIGGERS para todo o Brasil.

O Gravediggers foi fundado em 3 de fevereiro de 2008 em Campo Grande. A primeira equipe de Futebol Americano do estado de Mato Grosso do Sul. Cinco jovens que já acompanhavam há bastante tempo a modalidade pela televisão, resolveram se juntar com mais atletas para formar o time. E esse encontro se deu por causa de uma das transmissões da modalidade pelo canal ESPN, quando o narrador Everaldo Marques leu ao vivo um e-mail mandado por Sílvio Torres, convidando outros fãs do esporte campo-grandenses para praticar.

O primeiro treino aconteceu no dia 29 de Março de 2008 no estádio Morenão, em Campo Grande. Estiveram presentes 16 atletas. Para manter um contato maior com o público e incentivar a adesão de novos atletas, houve a iniciativa de se realizar um treinamento aberto, pelo menos duas vezes por mês, específico para pessoas que queiram conhecer o esporte. No ano seguinte, em 12 de outubro de 2009, os Gravediggers passaram a ser uma associação legalmente constituída.

Diretoria do time:
Presidente – Marcelo Alves Batista; Vice-presidente – Mario Sergio Arakaki; Diretor Financeiro – Guido de Andrade Guandini; Diretor de Marketing – Guilherme Hollo de Andrade; Diretor Técnico – Gilmar Simioli Junior; Secretário – João Vaz Guimarães Filho.

Coordenação Técnica:
Ataque
Coordenador de Ataque: Carlos Henrique (Rotweiller)
Técnico de Linha de Ataque: Kenneth Correa
Defesa
Técnico de linha de ataque: Daniel Freitas
Técnico de Linebackers: André Earp
Técnico de Corners e Safeties: Guilherme Hollo

Parcerias:
Atualmente, a equipe conta com três parceiros: “Gestão Ativa” (Soluções para informática) que gerencia o website da equipe, “Gol de Placa” (Formação de jogadores de futebol) que disponibiliza o local para os treinamentos e a “Wizard Idiomas” que fechou a parceria para os amistosos locais no ano de 2011.

Todo sábado a equipe reserva a primeira hora do treinamento para a escolinha, onde ensina os novatos como jogar futebol americano. O trabalho é feito com todos os novatos, independente de idade.

Neste ano a equipe tem 3 amistosos agendados com a outra equipe de Campo Grande, o Jacarés do Pantanal, sendo que o primeiro jogo da série ocorrerá em maio. No segundo semestre, a equipe planeja um amistoso Full Pads em Campo Grande.

Quem quiser conhecer melhor o Campo Grande Gravediggers pode ter contato através do website www.gravediggers.com.br ou do email contato@gravediggers.com.br.

Matéria postada em 05 de Março de 2011 no blog Imprensa FA Brasil.

1 Comments For This Post

  1. Roberto Says:

    Boa galera, fiquei feliz com a reportagem, meus parabéns a todos que estão se esforçando para que o time cresce, é uma pena eu estar morando longe, mas uma vez diggers sempre diggers e me aguardem no amistoso.

Leave a Reply

Anuncie Aqui

Fotos no Flickr

Veja + fotos

Anuncie Aqui
Curta o Diggers no FacebookAdicione o Diggers no Orkutsiga o Gravediggers

.

Fãs no Facebook